As glosas financeiras são alguns dos problemas mais comuns em hospitais e podem minar as possibilidades de crescimento de centros de saúde. Essa é uma questão tão recorrente, que, de acordo com um estudo da FEHOESP (Federação dos Hospitais, Clínicas, Casas de Saúde, Laboratórios de Pesquisas e Análises Clínicas e Demais Estabelecimentos de Serviços de Saúde do Estado de São Paulo), mais de 97% dos centros de saúde sofrem com glosas. 

Essas glosas são caracterizadas principalmente por erros administrativos que levem a um faturamento menor do que o esperado, ou, ainda, a falta de pagamento por parte dos planos de saúde. Em todos os casos, a perda de faturamento e de controle financeiro é uma das consequências mais problemáticas, podendo levar, inclusive, dívidas ao hospital. 

Mas, afinal, como evitar definitivamente as glosas financeiras e resgatar o poder de lucratividade do seu hospital? Acompanhe este artigo e confira 6 passos essenciais!

1. Faça uma auditoria interna 

O primeiro passo é saber exatamente contra o quê o hospital está lutando. Se o hospital está lucrando menos do que deveria, é precisa saber exatamente o porquê disso estar acontecendo e a origem dessa glosa. 

Para isso, investir em uma auditoria interna completa é fundamental. Essa auditoria pode identificar se a glosa está tendo origem em erros no setor administrativo ou na enfermaria, por exemplo, ou se o atraso de pagamento dos convênios é o principal problema. 

Independente disso, o caso é que a auditoria vai indicar exatamente onde estão os erros, ajudando o hospital a traçar um plano para lidar com o problema. O ideal é que o hospital mantenha uma rotina de auditoria, garantindo que os erros que provocam glosas sejam corrigidos o quanto antes.

2. Treine a equipe 

Até mesmo a melhor equipe de profissionais do mundo está suscetível aos erros. O problema é que mesmo pequenos erros de digitação no setor administrativo, ou uma breve falta de atenção na elaboração ou leitura do prontuário do paciente, podem sugar a rentabilidade do hospital. 

Esse é um problema que precisa ser enfrentado com treinamento constante da equipe. Toda a equipe precisa estar preparada para lidar com as ferramentas disponíveis, principalmente no setor administrativo. Além disso, é possível conscientizar os profissionais sobre a importância de preencher prontuários ou qualquer outra informação com atenção redobrada. 

3. Aplique a cultura da revisão 

Essa dica pode parecer muito boba, mas faz toda a diferença em um cenário em que você quer reduzir drasticamente a taxa de erros da equipe. Colocar a etapa da revisão como um processo fundamental dentro do trabalho de todos é uma maneira de incentivar que todo funcionário dê uma segunda olhada no material que está preenchendo.

Esse passo tão simples é responsável por ajudar os profissionais a identificarem erros de digitação que poderiam provocar um grande prejuízo, por exemplo. Isso é ainda mais importante para o setor administrativo, que lida com o envio de informações de pacientes para o convênio. 

É preciso confirmar todos os dados, garantindo que está enviando corretamente para o plano de saúde o número de inscrição do paciente. Os treinamentos que citamos ainda no tópico anterior são uma oportunidade para o hospital implementar essa cultura, engajando a equipe no processo.

4. Otimize a gestão de autorização 

A gestão de autorização, que define o processo de envio de informações do paciente para as operadoras de plano de saúde, é uma das que mais provocam contratempos para o hospital. Investir em modelos de gestão eficazes, em que todo processo de coleta e repasse dos dados dos pacientes é feito de forma eficiente, é um dos pontos que fazem toda a diferença na hora de evitar a glosa.   

Um dos caminhos para isso é investir em uma equipe com profissionais qualificados, engajados com os resultados do hospital. Além disso, testar diferentes formatos, como o de pré-autorização dos atendimentos, garante que o hospital encontre o modelo de gestão que melhor funcione.

5. Tenha em mãos um planejamento adequado 

É comum que hospitais precisem lidar com diversos convênios diferentes, com suas próprias políticas de pagamento. Mais comum ainda é o fato de cada convênio ter uma data de pagamento diferente, que devem ser acompanhadas pelo hospital de forma que a cobrança seja feita, caso o pagamento não seja realizado no prazo certo. 

O papel do hospital é desenvolver estratégias para acompanhar as datas de faturamento de forma eficiente. Caso um prazo seja perdido, é preciso ter um plano de ação claro sobre o que deve ser feito para realizar a cobrança. Também é possível criar mecanismos de lembrete, que avisam ao convênio sobre o prazo de pagamento que está próximo. 

A estratégia a ser utilizada para evitar a glosa vai depender de cada hospital, mas o planejamento é uma necessidade em todos os casos. 

6. Invista em automação de processos 

A automação e digitalização de processos é uma maneira de reduzir custos e tornar todas as etapas de gestão do hospital mais eficiente. Com um sistema de gestão hospitalar, é possível evitar erros no repasse de informação de um setor para o outro. 

Além disso, o uso da Inteligência Artificial (AI) também faz toda a diferença na rotina do hospital, aumentando a produtividade e ajudando a reduzir a glosa financeira. A importância disso para o setor de saúde fica ainda mais claro nos dados do mercado. 

De acordo com a IDC, empresa internacional referência em inteligência de mercado, mais de 20% das organizações de saúde utilizarão a IA até 2021, alcançando entre 15% e 20% de ganho em produtividade por causa do uso da tecnologia. 

Esses são alguns dos caminhos que o hospital precisa começar a adotar hoje para reduzir drasticamente a glosa. Quer descobrir outras dicas para melhorar a operacionalidade da sua instituição de saúde? Nos acompanhe através das redes sociais e receba conteúdo atualizado sobre gestão e as principais tendências do setor.

Rua Evaristo da Veiga, 154 - 3º Andar, Porto Alegre - RS - (51) 3021-0055 - 90620-230
Infraestrutura Plantão 24 Horas
51 99239-6976 (VIVO)
51 99238-7010 (CLARO)
Suporte
51 99767-7602
Receber novidades
Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.