Em face de um cenário potencialmente complexo para a maioria das instituições públicas de saúde, a tecnologia tem sido grande aliada na otimização do faturamento SUS, haja visto que há ferramentas específicas para simplificar e potencializar a atuação dos hospitais públicos.

Gerenciar as variáveis que compõem o faturamento dos serviços oferecidos aos pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), é uma das principais responsabilidades dos gestores e impacta diretamente na qualidade e abrangência do atendimento às pessoas.

Pensando nisso, a SALUX decidiu abordar a forma como as ferramentas certas podem simplificar as demandas diárias, trazendo mais automatização, integração e recursos únicos para impulsionar o faturamento da sua instituição. Boa leitura!

Ferramentas para faturamento SUS: funcionamento e importância

O faturamento SUS é estruturado a partir do conceito de contratos procedimentos.

Os contratos relacionados ao faturamento compreendem todos os valores acordados inicialmente para o planejamento e execução de procedimentos pré-definidos.

Dessa forma, ficam estabelecidos valores fixos, o que viabiliza à instituição gastar menos e obter o lucro necessário para controlar as finanças.

Além disso, tal estrutura auxilia que o hospital não gaste acima do valor negociado, o que pode gerar um déficit complicado de ser revertido.

Com isso, ainda é importante saber que os valores contemplam 3 componentes inerentes ao atendimento adequado: serviços hospitalares, médicos e de SADT, vamos a cada um.

Serviços Hospitalares

O faturamento SUS garante cobertura dos custos de serviços hospitalares com materiais, insumos, diárias, medicações e tantos outros gastos que o atendimento ao paciente exige.

Serviços Médicos

O mesmo acontece com os serviços médicos, onde os valores são automaticamente repassados aos profissionais ligados diretamente à execução dos procedimentos, como cirurgias.

Serviços de SADT

A sigla SADT remete ao Serviço Auxiliar de Diagnose e Terapia, e são valores pertinentes aos exames realizados no atendimento.

Geralmente estes valores são repassados ao hospital responsável, bem como a terceiras partes devidamente credenciadas ao SUS e responsáveis pelos exames.

Portanto, aqui já podemos determinar o quão importante o faturamento SUS bem controlado é fundamental para fortalecer a gestão financeira das instituições públicas de saúde, bem como de hospitais filantrópicos.

Nesse contexto, as ferramentas tecnológicas têm um peso imensurável no sucesso da organização, veja mais a seguir!

Quais as principais ferramentas para gerenciar o faturamento SUS?

Normalmente, o atendimento SUS é responsável por determinar aos hospitais um limite máximo do número de atendimentos.

Sua definição fica a cargo da gestão hospitalar, pois pode-se definir estritamente pelo número de atendimentos ou mesmo valor já empregado em determinado período.

Dessa maneira, para estes casos podemos compreender que existem 3 processos para a criação das contas direcionadas ao faturamento SUS:

  • Autorização de Procedimentos de Alta Complexidade (APAC).
  • Boletim de Procedimento Ambulatorial (BPA).
  • Autorização de Internação Hospitalar (AIH).

Autorização de Procedimentos de Alta Complexidade (APAC)

Elemento fundamental no faturamento hospitalar SUS, o APAC realiza o gerenciamento dos pacientes que se encontram em tratamento, além de realizar a impressão de laudos referentes ao tratamento.

Em muitos casos, o módulo encontrado nos sistemas de gestão hospitalar, viabiliza o andamento do faturamento mesmo quando ainda não houve a emissão do número APAC, que é feita pelo próprio SUS.

Tudo isso culmina em maior controle dos pacientes, apoia o faturamento dos processos complexos e melhora o entendimento da frequência dos pacientes.

Boletim de Procedimento Ambulatorial (BPA)

O Boletim de Procedimento Ambulatorial é responsável pela completa gestão do faturamento ambulatorial do SUS. A SALUX, por exemplo, oferece o recurso ideal para consolidar o BPA da sua instituição.

Com ele você será capaz de estabelecer regras para o repasse a cada procedimento realizado, bem como aos profissionais ligados ao ambulatorial. Gere as contas automaticamente, de modo a agilizar a etapa de consolidação.

Outro ponto importante sobre o BPA, é a sua capacidade de executar uma cautelosa validação de cada consistência prevista na tabela SIA/SUS, podendo informar os procedimentos consolidados em lotes, além de detalhar todos os outros procedimentos complexos e que demandam informações mais detalhadas.

Autorização de Internação Hospitalar (AIH)

Já a Autorização de Internação Hospitalar (AIH), é o sistema utilizado para a remuneração devida aos prestadores de serviços.

Através dele é possível criar tabelas completas de pagamentos, considerando cada profissional e elementos inerentes à composição do custo médio em distintos procedimentos médicos e diagnósticos.

A gestão eficiente é imprescindível para o faturamento SUS eliminar gargalos

Quando a gestão hospitalar foca no cumprimento do faturamento SUS com profissionalismo, muitos gargalos são tirados do caminho da sua evolução:

  • Redução das glosas hospitalares.
  • Ausência de controle dos gastos hospitalares.
  • Potencial rejeição das contas.
  • Gastos com demandas desnecessárias.
  • Incoerência nos valores repassados aos processos e profissionais.
  • Inabilidade em direcionar melhor os recursos financeiros.

Portanto, a atenção dada a cada necessidade apresentada acima não somente estimula um faturamento proeminente, mas abre espaço para que a organização possa ajustar estratégias, projetando um crescimento escalável e atendimentos incontestáveis.

A SALUX caminha juntamente com ferramentas modernas para faturamento SUS

A SALUX possui um dos mais completos softwares de gestão em saúde (HIS) e assistencial (EMR). Modular e integrado, projetado e desenvolvido para entregar o melhor em recursos de inteligência hospitalar, flexibilidade, alta performance e segurança.

Dentre tantos módulos que atendem as demandas hospitalares, entregamos recursos para o faturamento de alta qualidade e confiabilidade, tais como:

  • Gestão de glosas integrado e automatizado.
  • Painel de gerenciamento e auditoria de contas.
  • Tabelas de preços importáveis e configuráveis com controle de vigências.
  • Faturamento BPA consolidado e individualizado.
  • Faturamento individualizado de APAC e AIH.
  • Controle de metas contratualizadas.
  • Dashboards de faturamento vs. custos com margens de contribuição.
  • Resultados operacionais online.

Agora é com você a iniciativa para transformar o faturamento em sua instituição. Saiba que atendemos todos os perfis de hospitais, sejam eles privados, públicos e filantrópicos, com larga experiência na informatização em saúde.

Acesse para solicitar um contato com nossos profissionais, venha tirar suas dúvidas com a SALUX!

Rua Furriel Luiz Antônio de Vargas, 380 | Bela Vista | Porto Alegre - RS - (51) 3021-0055 - 90470-130
Infraestrutura Plantão 24 Horas
51 99239-6976
Suporte
51 99767-7602
Receber novidades
Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.