É unânime entre todos que não existe um único "segredo para o sucesso" de centros de saúde, nem mesmo um conjunto de regras que possam ser seguidas por todos. No entanto, uma coisa é fato: o uso da tecnologia hospitalar é um dos melhores caminhos para crescer no mercado e ganhar relevância na região em que atua. 

Por isso mesmo, é comum que todos os anos uma série de novas tecnologias ganham destaque no setor e despontam como verdadeiras tendências. Algumas delas você já deve ter ouvido falar por aqui, como o uso de dados e uma gestão integrada, por exemplo. 

Porém, existem muitas outras tendências que vão continuar transformando o mercado de saúde nos próximos anos e precisam de sua atenção. Quer descobrir quais são? Continue lendo e confira pelo menos 5 das principais tendências de tecnologia na área de saúde para o próximo ano!

1. Inteligência artificial (IA)

A Inteligência Artificial já é utilizada por centros de saúde há algum tempo, mas a tendência é que ela se torne ainda mais comum e necessária. Afinal, é através dessa IA que hospitais e clínicas ganham tempo, oferecendo um tratamento muito mais eficiente para o paciente. 

O grande diferencial da IA é que ela absorve conhecimento e simula o pensamento e capacidade humanas em muitos sentidos. Ela é capaz, por exemplo, de tomar decisões baseadas no conhecimento que absorveu, identificar problemas ou, ainda, apontar soluções possíveis. 

Não é muito difícil perceber o papel que ela pode desempenhar na área da saúde, certo? Além de auxiliar o trabalho da equipe médica, a Inteligência Artificial também pode agilizar o diagnóstico de doenças graves, aumentando as chances de sobrevivência do paciente. 

2. Internet das coisas (IoT)

A Internet das Coisas é uma tendência em todas as áreas, e não podia ser diferente no setor de saúde. Se você ainda não ouviu falar dessa tendência, ela diz respeito à conexão de objetos simples do dia-a-dia com a internet. 

Dentro de hospitais, por exemplo, é possível apostar em algumas tecnologias que já existem, como camisas que possuem a capacidade de verificar a frequência cardíaca do paciente, e muitas outras. 

Estar atento para essas tecnologias é ainda mais importante em um cenário em que o hospital precisa ganhar eficiência. 

3. Realidade aumentada 

Talvez você não reconheça o termo realidade aumentada, mas certamente já ouviu falar dessa tendência dentro de universidades de medicina. A realidade aumentada é uma maneira de criar a simulação de um ambiente, cenário ou situação específica, como o momento de uma cirurgia, por exemplo. 

Apesar de ser muito útil para preparar bem alunos de medicina, ela também pode ganhar um papel imprescindível dentro de hospitais. Ao simular um ambiente cirúrgico, a realidade aumentada pode ajudar a equipe médica a planejar cada etapa da cirurgia e identificar pontos que precisam ser melhorados para aumentar a eficiência do procedimento. 

4. Robótica

E não é apenas nesses pontos que a tecnologia hospitalar pode ajudar. A robótica também tem conquistado espaço no mercado e mostra como é possível tornar procedimentos mais rápidos e eficientes. 

Nos últimos anos, diversos robôs foram criados para atender demandas específicas da saúde. Muitos deles são capazes de auxiliar a equipe médica em procedimentos que necessitam de muita precisão e agilidade para garantir uma boa recuperação para o paciente.  

5. Evolução dos equipamentos médicos 

A verdade é que os equipamentos médicos, mesmo os mais tradicionais e que já estão em uso pelo mercado há muitos anos, possuem constantes melhorias. Mesmo que o seu hospital já tenha um equipamento específico, investir em um mais moderno e tecnológico pode ser fundamental para ganhar precisão e tempo. 

Além disso, uma coisa é fato. Mesmo os equipamentos que não serão trocados precisam passar por manutenções constantes, para garantir que o mesmo não está apresentando nenhum problema ou defeito que comprometa os resultados dos exames.

É possível, também, que nos próximos anos a área de saúde veja a evolução de equipamentos para o setor, como as impressoras 3D. Tudo indica que elas serão uma parte importante dentro de hospitais, garantindo a produção de implantes corporais que auxiliam em cirurgias complicadas. 

6. Hospital Paperless 

Reduzir ou até mesmo eliminar o uso de papel dentro de hospitais é uma das grandes tendências para os próximos anos. Além de aumentar a eficiência na gestão de documentos, essa também é uma maneira de reduzir custos e tornar toda a gestão mais sustentável e segura. 

Para isso, é preciso que o hospital use uma certificação digital, que possibilita o uso de assinaturas digitais nos documentos necessários. Essa certificação é possível através de softwares especializados, como o oferecido pela Salux, e é obrigatório para que o hospital consiga reduzir significativamente o uso de papel. 

Tudo isso é um indício de que você não pode tirar os olhos do futuro, se não quiser perder espaço na área. Gostou das informações sobre tecnologia hospitalar? Aproveite para nos seguir através das redes sociais e ter acesso a muito mais!

Rua Furriel Luiz Antônio de Vagas, 380 | Bela Vista | Porto Alegre - RS - (51) 3021-0055 - 90470-130
Infraestrutura Plantão 24 Horas
51 99239-6976 (VIVO)
51 99238-7010 (CLARO)
Suporte
51 99767-7602
Receber novidades
Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.